domingo, 17 de janeiro de 2016

Diário da vinda do Vitor

Por incrível que pareça mesmo com apenas 4 meses já sei que será menino, Victor. E desde o primeiro dia que vi sua centelha de vida já me apaixonei por ele. É coisa de alma muito amada e esperada mesmo.Uma das coisas que aprendi desde pequena é irradiar amor, o amor forma uma aura brilhante que vitaliza a gente e quem recebe...
Essa foi a primeira imagem que recebi, que emoção!


Acho que isso vai ficar gravado naquela minha lista de momentos "coisas que nunca vou esquecer".
Estava mesmo precisando de uma alegria dessas na minha vida!


Ele com certeza lá de cima via o quanto sua chegada era aguardada e o quanto nossa linda família esperava ansiosa por esse momento.  Tá certo, sei que todo espírito tem seu momento adequado para encarnar, mas isso não impediu que aqui ficássemos todos na torcida.

Imagino o grande planejamento espiritual que a turma lá de cima tem que fazer para isso acontecer, cada nova vida, uma nova missão, novos aprendizados e claro que todo esse planejamento espiritual depende de nós aqui em baixo também.
E se depender disso, Victor, venha com tudo pois a "Grande famíli"já está de braços abertos te esperando
Eu particularmente acredito que você já está vivenciando tudo isso com a gente, é a sua vivencia -, e isso é muito bom pois todos nós estamos ajudando a formar um vínculo afetivo sadio e claro tentando fazer todos os desejos da "mamãe gravida".
Para a lista dos primeiros desejos veio a carne assada com cabelinho de anjo. No trabalho mesmo minha filha me mandou uma mensagem dizendo que estava com desejo. E a vovó aqui mais que rapidamente foi direto no mercado comprar a carne para fazer a carne assada. Claro que demorei, pois ela me avisou era depois das 17hs, até ir no mercado e começar a fazer... Resultado: comendo as 22hs, mas com um gosto de dar inveja. Isso faz a gente até esquecer o trabalho.
Nas primeiras semanas foram muitos enjoos, mas agora já está melhorando.
Não sei se é concidencia, mas passei a dar para minha filha suco de limão em jejum, pelo menos nos dias que ela dorme na minha casa, e acho que ajudou um pouco.

Quando recebi a imagem da segunda ultra, ai a alegria foi maior ainda!
Que lindinho, já dá para ver direitinho!!!!
Agora começa a luta das roupas, claro que as roupas que ela usava não iam dar mais, e ela revirou meu guarda-roupas buscando algo. Pouca coisa serviu, sou alguns quilos mais gorda que ela, então até ela começar a usar roupas de grávida conseguimos pinçar algo.

Com o Natal minha filha ganhou muitas coisas, vou fazer uma lista do que ela já tem para evitar que tenha muito de uma coisa e nada de outra. Vou tentar listar modelo e tamanho, assim os amigos e familia podem consultar aqui o que ela já tem.

2 comentários:

  1. A imagem dele é a coisa mais linda. O rostinho, a mãozinha. Desde já muito amado. Sei que serei avó coruja afinal ser tia-avó é demais. Só quero que ele chegue com muita saúde e, se der, que nasça no dia do meu aniversário. Presente melhor que este não há. Aguardo a tua chegada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, ele é o nosso presente, e ele foi abençoado em ter uma tia-avó tão especial!!!!

      Excluir